Pular para o conteúdo principal

Desenvolvimento da Intuição


O curso de Desenvolvimento da intuição é feito para aqueles que não se satisfazem apenas com um entendimento intelectual de realidades espirituais e que desejam ganhar acesso a experiências diretas.
O Desenvolvimento da Intuição requer a construção de alguns novos direcionamentos de energia. Essa nova estrutura não é física, mas pode ser considera bastante real. Quando totalmente desenvolvida as percepções tornam-se surpreendentemente claras, mais afiadas e mais significativas do que aquelas adquiridas através das sensações físicas. Várias técnicas serão ensinadas visando uma cultivação metódica desta nova percepção.
A abordagem será feita sempre enfatizando a superioridade da experiência sobre os conceitos mentais, e dos conceitos em primeira mão sobre crenças. Na verdade não é o que você presume ou aceita que provocará uma ascensão espiritual, mas o que você experimenta diretamente. Por isso não é pedido que se acredite no que lhes será ensinado, e sim que apenas faça os exercícios.
Nenhum conhecimento ou treinamento anterior é esperado antes de dar início às práticas. Esqueça temporariamente tudo o que sabe, a fim de engajar nas técnicas com a mente limpa. É sabido que para alguns o prévio conhecimento espiritual da asas e provê mais chances de abrir todas as portas, enquanto que para outros mais parecem correntes que lhes impedem de absorver qualquer coisa nova. Quanto mais você se torna capaz de deixar de lado ideias pré-concebidas, mais fácil será.
Deve ser claramente entendido que nosso objetivo não é desenvolver distorções atávicas da mediunidade, mas sim caminhar em direção da visão do Self. O Self na segundo Jung, é o principal arquétipo, o Si-mesmo (ou Self). O Si-mesmo é o centro de toda a personalidade. Dele emana todo o potencial energético de que a psique dispõe. É o ordenador dos processos psíquicos. Integra e equilibra todos os aspectos do inconsciente, devendo proporcionar, em situações normais, unidade e estabilidade à personalidade humana. Jung conceituou o Si-mesmo da seguinte forma: “O Si-mesmo representa o objetivo do homem inteiro, a saber, a realização de sua totalidade e de sua individualidade, com ou contra sua vontade.” A dinâmica desse processo é o instinto, que vigia para que tudo o que pertence a uma vida individual figure ali, exatamente, com ou sem a concordância do sujeito, quer tenha consciência do que acontece, quer não. Por tanto, embora várias percepções extra sensoriais sujam com a prática de técnicas, o propósito é claramente achar o Self e aprender a perceber o mundo a partir dele ao invés de sua consciência mental habitual.
Este curso deve ser tido como uma introdução, o primeiro passo para um modo completamente diferente de percepção e pensamento. Tem como objetivo conectar os alunos a realidade com a realidade espiritual e adentrar numa nova parte do mundo. Não é um convite para se retirar de suas atividades diárias, mas sim para começar a executá-las com uma consciência diferente e uma nova visão, aplicando a linha de provérbios “Em todas as suas formas conhecei-o” (3:6), dito por Talmud, contendo toda a essência do Torah.
 Você já deve ter percebido que muitos possuem pressentimentos e intuições que se confirmam, às vezes, quando o telefone toca você já sabe de antemão quem está chamando, ou a sensação de Dejavú, quando sente que já viveu exatamente aquela situação que está vivendo no presente sem que saiba precisar exatamente quando foi. A maioria já viveu estes tipos de experiências e esses são alguns dos eventos mediúnicos mais simples. Imagine se pudesse confiar em seus sentidos interiores para ter sucesso e continuar na busca de seus objetivos. Acreditasse que todos possuem percepção mediúnica mais nem todos tem a compreensão, a paciência ou talvez vontade de desenvolvê-la.
É necessário muito trabalho e anos de prática para desenvolver todo o potencial intuitivo/mediúnico que há dentro de uma pessoa. Infelizmente a maioria das pessoas passa pela vida sem utilizar essa habilidade maravilhosa que lhes é dada. É uma pena porque desperdiçam a oportunidade de tornar suas vidas mais ricas e interessantes, não prestam atenção aos pensamentos que percorrem suas mentes e esquecem as consequências de seus atos. A vida é encarada com apreensão e não se compreende porque certas coisas acontecem. Em vez de encontrar paz e prazer encontra-se estresse e luta. Inevitavelmente perdem-se oportunidades, acumulam-se problemas e os relacionamentos acabam. Corre-se sempre o risco de se acostumar com uma rotina monótona, goste ou não acaba por se habituar a ela, Nosso direito nato, quem somos e do que somos feitos permanece inativo caminhamos pela vida sem senti-la plenamente a verdade é que tudo o que queremos saber está dentro de nós e basta tomar consciência para nos apossarmos disso ao invés de se sentirem perdidos, admitam que são seres espirituais que fazem parte de uma enorme rede cósmica.
A medida que despertarem sua habilidade mediúnica inata iram começar a se conectar com a espiritualidade. Há muitas energias que estão prontas a nos guiar no caminho do conhecimento de quem realmente somos. Não é necessário ter elevado caráter moral para ser médium, consciência e compromisso. Isso nos leva a um tema muito significativo sobre fenômenos mediúnicos uma das discussões mais importantes que tenho com meus estudantes é sobre consciência e compromisso. À proporção que você cultiva e expande várias técnicas mediúnicas deve também desenvolver um forte sentido de responsabilidade. Quando falo em responsabilidade quero dizer que é obrigatório usar seus dons mediúnicos para alcançar uma vida mais plena tanto para o próprio médium quanto para aqueles que o procuram. Entregar seu poder mediúnico para prejudicar pessoas, causar medo ou prever calamidades é pura irresponsabilidade que possivelmente terá repercussões karmicas o despertar do sexto sentido através de exercícios e reflexões dirigidas. O curso será feito através de aulas presenciais em grupo, mas também exige do aluno mais que o simples comparecimento. Os exercícios propostos devem ser executados no espaço de tempo entre as aulas.


Referências: James Van Praagh – O Despertar a Intuição
Samuel Sagan – O Terceiro Olho - O Despertar da Visão Interior 

Comentários

  1. The main part of i - Phone apps are paid, nevertheless a lot of kids i - Phone
    games are already available for free. Using this app, one
    can create its own hierarchy of all the folders in order to save the documents.
    Schedules, notes for meetings, presentations, and group brainstorming can all be handled through apps.


    Here is my website: apps for infants

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Práticas

O sexto chakra - Chakra Frontal – “Terceiro olho”

Nome: Ajna Meridianos: os do chakras umbilical – fígado, pulmão, vesícula biliar, intestino grosso. Glândula Endócrina: hipóse (pituitária) localizada na base do crânio. Hormônios: vários hormônios que regulam o crescimento e o mestabolismo, dentre eles a Vasopressina (anti-diurático), pituitária. Cor: Índigo Corpo Áurico: celestial Planeta: Urano Vitamina/mineral: Complexo B e magnésio Pedro Preciosa: água marinha Tom Musical: lá Símbolo: lótus de noventa e seis pétalas Raio: verde-cristal Sentido: todos e percepção extra-sensorial Mantra: Om (Compreensão) 
Localiza-se na região mediana da testa. Este é o chakra esotérico e orgânico, correspondente à glândula pituitária. É o responsável pelo redirecionamento das energias da força do desejo/atração pessoal (chakra do umbigo) para a oitava vibratória superior relacionada ao nível de liderança e administração carismáticas e responsáveis. Irradia as cores primária: amarelo, alternando com azul intenso, que em pessoas desenvolvidas em bordas viole…

ALGUMAS PESQUISAS COM TERAPIA REIKI

Servidores da área médica reconhecem que Reiki tem seu valor. Este é o motivo pelo qual o Reiki tem sido tem sido introduzido e utilizado em centenas de hospitais e clínicas em vários países. Médicos, enfermeiros e outros membros da área médica acreditam que Reiki é efetivo para reduzir os efeitos colaterais de radiações e drogas. Também acreditam que Reiki reduz e/ou elimina a necessidade de medicações para dor, reduz a ansiedade e stress, acelera o processo de cura diminuindo o tempo no hospital, ajuda a abrir o apetite e melhora o sono.
Por que os Hospitais Gostam de Reiki? Os hospitais estão passando por grandes mudanças. Eles experienciam a necessidade de reduzir seus custos e ao mesmo tempo aumentar os cuidados aos seus pacientes. Com o modelo antigo os hospitais baseado em altos custos com medicamentos e tecnologias, eles passaram a viver um problema. Isto não se aplica ao Reiki e a outras terapias complementares. Reiki não requer tecnologia e muitos de seus praticantes trabalha…